Últimas Notícias
Home / Ferraz de Vasconcelos / Ferraz realiza discussões sobre Vigilância em Saúde
A Secretaria de Saúde de Ferraz de Vasconcelos promoveu na manhã desta terça-feira (6 de junho) a "1ª Plenária Municipal de Vigilância em Saúde". A ação foi uma recomendação do Ministério da Saúde e serviu para fomentar discussões sobre vigilância em saúde. A próxima etapa é a plenária estadual, entre os dias 12 e 14 de setembro.(FOTOS: Aurélio Alves / Secom Ferraz)
A Secretaria de Saúde de Ferraz de Vasconcelos promoveu na manhã desta terça-feira (6 de junho) a "1ª Plenária Municipal de Vigilância em Saúde". A ação foi uma recomendação do Ministério da Saúde e serviu para fomentar discussões sobre vigilância em saúde. A próxima etapa é a plenária estadual, entre os dias 12 e 14 de setembro.(FOTOS: Aurélio Alves / Secom Ferraz)

Ferraz realiza discussões sobre Vigilância em Saúde

A Secretaria de Saúde de Ferraz de Vasconcelos promoveu na manhã desta terça-feira (6 de junho) a “1ª Plenária Municipal de Vigilância em Saúde”. A ação foi uma recomendação do Ministério da Saúde e serviu para fomentar discussões sobre vigilância em saúde. A próxima etapa é a plenária estadual, entre os dias 12 e 14 de setembro.

Na ocasião, aproximadamente 60 pessoas, entre trabalhadores da Saúde ferrazense, sociedade civil e gestores, debateram sobre o tema da conferência que foi “Vigilância em Saúde: Direito, conquistas e defesa de um SUS (Sistema Único de Saúde) Público de qualidade”. O eixo principal das conversas girou em torno do “Fortalecimento dos programas e ações de Vigilância em Saúde”.

Os presentes também estudaram propostas para levar à plenária estadual e apresentaram ideias sobre os oito subeixos expostos: o papel da Vigilância em Saúde na integralidade do cuidado individual e coletivo em toda a Rede de Atenção à Saúde; acesso e integração das práticas e processos de trabalho e dos saberes e tecnologias das vigilâncias epidemiológica, sanitária, em saúde ambiental e do trabalhador e dos laboratórios de saúde pública; responsabilidade do Estado e dos governos com a Vigilância em Saúde; gestão de risco de estratégias para a identificação, planejamento, intervenção, regulação, ações intersetoriais, comunicação e monitoramento de riscos, doenças e agravos à população, monitoramento de vetores e de agentes causadores de doenças e agravos inclusive as negligenciadas; implementação de políticas intersetoriais para promoção da saúde e redução de doenças e agravos, inclusive as negligenciadas e a participação social no fortalecimento da Vigilância em Saúde.

A coordenadora do Serviço de Vigilância em Saúde de Ferraz, Karina Rente, afirma que essas plenárias são muito importantes tanto para trazer soluções ao sistema de saúde público, como para aproximar a população da administração municipal. “Nossas discussões foram promissoras hoje. Achei que seria um tema difícil para debater, mas os participantes trouxeram ótimas sugestões e levaremos isso a frente”, destacou Karina.

Check Also

Henrique Marques, de 64 anos, passou mal em sua casa, na Vila Corrêa, no domingo, dia 18, à tarde. Na ocasião, ele foi inicialmente socorrido ao Hospital Regional Dr. Osíris Florindo Coelho, no mesmo bairro ferrazense, onde recebeu o primeiro atendimento, porém, no início da noite, por orientação do próprio Regional acabou sendo transferido para a unidade especializada (Total Cor), na capital paulista.(Foto: Divulgação)

Ex-vereador Henrique Marques morre aos 64 anos

O ex-vereador por três mandatos de Ferraz de Vasconcelos, Henrique Marques faleceu de infarto agudo ...